Carregando tradução..
(15) 3033.4349
WhatsApp (15)98142.0185
Atendimento online
Atendimento online

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
O que muda no financiamento da Caixa após a queda dos juros
17/04/18

A queda dos juros nas linhas de crédito imobiliário da Caixa, anunciada nesta segunda-feira (16) pelo banco, pode significar uma economia de 139,9 mil reais no custo total do financiamento de imóvel. É o que aponta quatro simulações feitas pelo Canal do Crédito, site que compara valores de empréstimos, para o site da EXAME.

A economia é obtida na compra de um imóvel de 1 milhão de reais, no qual 700 mil reais sejam financiados no banco. O valor total do financiamento por um prazo de 35 anos, neste caso, cai de 2,19 milhões de reais para 2,05 milhões de reais.

Já no caso de um imóvel de 300 mil reais, os juros menores gera uma economia de 42,2 mil reais. Neste caso, o valor total do financiamento passa de 628,3 mil reais para 586 mil reais. A primeira parcela cai de 2.312 reais para 2.110 reais, um diferença de 200 reais.

O levantamento mostra o valor da primeira prestação e o valor total do financiamento, com a taxa de juros cobrada pela Caixa antes e depois. O site fez as simulações para imóveis de 1 milhão de reais, 800 mil reais, 500 mil reais e 300 mil reais.

A Caixa reduziu os juros mínimos cobrados de 10,25% para 9% ao ano para imóveis enquadrados no Sistema Financeiro de Habitação (SFH). O SFH financia imóveis de até 950 mil reais no Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal, e de até 800 mil reais nos demais estados.

No caso de imóveis enquadrados no Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), que financia imóveis cujos valores ficam acima dos limites do SFH, o banco reduziu as taxas mínimas de 11,25% para 10%.

Todos os cenários simulados pelo Canal do Crédito consideram que 70% do valor do imóvel seja financiado, o máximo permitido atualmente pela Caixa tanto para imóveis novos como usados. O limite foi restabelecido para imóveis usados em conjunto com a queda das taxas.

Antes dessa segunda-feira, a Caixa estava permitindo apenas o financiamento de 50% do valor de imóveis usados. A única exceção era a linha Pró-Cotista, que já havia voltado a financiar até 70% do valor de imóveis usados em janeiro.

As simulações levam em consideração que o financiamento seja feito por um prazo de 35 anos, pelo sistema SAC, que o mutuário tenha 40 anos e opte pelo seguro da Caixa Seguradora.

É importante ressaltar que essa é a taxa mínima de juros cobrada pela Caixa para quem não tem relacionamento anterior com o banco. Caso o mutuário já seja cliente ou adquira uma cesta de produtos em conjunto com o financiamento do imóvel, o juro cobrado pode ser menor.

A simulação considera apenas as linhas de crédito imobiliário que utilizam recursos da poupança. O mutuário que deseja obter uma taxa de juros menor pode verificar se se enquadra nas condições da linha Pró-Cotista, que utiliza recursos do FGTS e voltou a ser oferecida pelo banco desde janeiro.

Caixa volta a ter os juros mais baratos para imóveis no SFH

Com a redução dos juros mínimos cobrados em suas linhas de crédito imobiliário, a Caixa voltou a oferecer a taxa mais barata para imóveis enquadrados no SFH.

Veja abaixo as taxas mínimas cobradas por cada banco em financiamentos de imóveis de até 950 mil reais em São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal e Minas Gerais; e de até 800 mil reais em outros estados:

BANCO            TAXA MÍNIMA COBRADA EM FINANCIAMENTOS DE IMÓVEIS NO SFH

Caixa                                9,00%

Bradesco                         9,45%

Santander                        9,49%

Itaú                                   9,70%

Banco do Brasil             10,44%



Fonte: EXAME






Últimas notícias
 06/06/18 - São Paulo tem novas regras para o uso de portões automáticos.
 24/05/18 - Exercite boas práticas para economizar energia elétrica
 30/04/18 - Pequenas economias cotidianas com foco na compra da casa própria
 30/04/18 - Aprenda como reduzir o valor do condomínio
 27/04/18 - SP deixa de ser um dos mercados imobiliários mais frios do mundo
 25/04/18 - Novas regras de financiamento aquecem o mercado imobiliário
 19/04/18 - Expositores do Salão Imobiliário de Portugal de 2018 aumentam 27%
 17/04/18 - O que muda no financiamento da Caixa após a queda dos juros
 13/04/18 - Qual o futuro do mercado imobiliário?
 11/04/18 - Caixa vai baixar juros imobiliários em abril, diz novo presidente
 03/04/18 - SP deixa de ser um dos mercados imobiliários mais frios do mundo
 28/03/18 - O comportamento do consumidor e o mercado Imobiliário
 21/03/18 - Novo golpe no mercado imobiliário: aprenda a se resguardar
 21/03/18 - A documentação necessária para comprar imóvel com segurança
 21/03/18 - Posso transferir o financiamento de um imóvel para outra pessoa?
 21/03/18 - Aprenda a fazer um ar-condicionado caseiro
 20/03/18 - A importância da brigada de incêndio em condomínios
 19/03/18 - Como declarar aluguéis no Imposto de Renda 2018
 16/03/18 - Após período de recessão, mercado imobiliário se recupera em 2018
 16/03/18 - Conheça algumas hashtags para o Corretor usar nas redes sociais
 12/03/18 - Crise brasileira x bolha imobiliária americana: Veja a diferença
 12/03/18 - Preços de venda de imóveis residenciais ficam estáveis
 09/03/18 - Mercado dá como certo que taxa básica de juros cairá para 6,5%
 07/03/18 - Como calcular o Índice Geral de Preços do Mercado, IGPM?
 07/03/18 - Por que contratar um corretor de imóveis?
 07/03/18 - O melhor momento para financiar seu novo imóvel
 02/03/18 - Quando o único imóvel pode ser penhorado?
 02/03/18 - Arquiteto propõe imóveis para todas as fases da vida
 28/02/18 - Varanda pode facilitar venda ou locação
 28/02/18 - Por que é uma boa hora para comprar
enviando...